07 de Dezembro de 2008

 

   Em jogo a contar para a 13ª Jornada do Campeonato Nacional da 2ª Divisão de Andebol Zona Centro, o N.A.S.C. levou de vencida a equipa do SIR 1º de Maio da Marinha Grande. 

   Após o empate alcançado em Ílhavo no passado fim-de-semana, a nossa equipa volta a cumprir num jogo em casa.

 

Um jogo importante para as aspirações da nossa equipa, sendo uma partida disputada no nosso recinto. Importante vitória sobre este adversário, que a par do N.A.S.C. tem feito um Campeonato idêntico em termos de resultados.

Sendo o N.A.S.C. favorito á vitoria, teria que provar em campo esse favoritismo.

Um jogo com duas partes muito distintas. Na primeira parte a equipa a não conseguir superiorizar-se frente ao seu adversário, cometendo muitos erros e a não conseguir ultrapassar a defesa adversária, prova disso o resultado alcançado nos primeiros 30 minutos 12-9. Na segunda parte e após algumas alterações efectuadas, tendo sido utilizados em jogo todos os atletas convocados, veio a nossa equipa a ter um maior aproveitamento das oportunidades criadas aumentando para 11 golos a diferença no resultado final 29-18. Um jogo onde a nossa equipa foi muito perdulária, tendo tido a oportunidade de fazer um resultado histórico não fosse o desacerto em muitas fases do jogo. Nota positiva para a boa prestação dos nossos guarda-redes, ambos a um nível muito elevado, com excelentes intervenções em toda a partida.

 

No próximo fim-de-semana com jornada dupla tem a nossa equipa dois difíceis jogos e muitos km para percorre, no sábado desloca-se norte a casa do Jobra para no domingo se deslocar a Tavira em jogo a contar para a Taça Presidente da Republica.

Com esta vitória o N.A.S.C. subiu um lugar na tabela classificativa encontrando-se agora no 10º lugar mas ainda com muitos jogos por cumprir.

 

PUBLICADO POR samoraemmovimento às 23:59

   

 

  

   A AREPA continua imparavél, nas Fontainhas, mais um jogo, mais uma vitória, desta vez uma goleada 4-0 ao Vilarense. A equipa de Kikas, hoje teve eficaz, concretizando quase todas as oportunidades que criou. Na primeira parte apenas um golo, pelo regressado Paiva, que hoje pode dar o contributo á equipa. A equipa do Vilarense não foi uma equipa defensiva, sempre que podia contra atacava. Na segunda parte o cariz do jogo manteve se, o Vilarense continuava atrevido mas os pupilos de Kikas, conseguiam dilatar o marcador. O segundo golo, Cococha, foi à linha, centrou para o golo, onde estava Zequinha, mas o defesa do Vilarense, antecipou se e fez auto golo. Estava feito o golo da tranquilidade para a AREPA, a equipa libertou se e consomou a goleada, com dois belos golos, por Cococha num excelente remate cruzado e o quarto golo por Camião, num excelente remata de fora da area. Uma goleada pesada para o Vilarense, num jogo em que a AREPA, soube marcar nas alturas certas.

Kikas treinador da AREPA estava feliz com a vitória da sua equipa: Vitoria justa da minha equipa, hoje estivémos bem na concretização, o Vilarense é uma equipa bem organizada, mas conseguimos hoje, aquilo que às vezes não conseguimos, marcar. Tivémos mais algumas oportunidades, mas seria um resultado demasiado pesado para o Vilarense.

 

PUBLICADO POR samoraemmovimento às 22:04

  

  

   

     Em jogo a contar para a jornada 10 da Divisão de Honra da A.F.Santarem, o Samora Correia, empatou a zero golos com o Alcanenense, cedendo os primeiros dois pontos na Murteira. Não foi feliz a turma samorense, nesta recepção ao Alcanenense, logo aos quinze minutos, o central Martin lesionou se e volvidos 1o minutos, Paulo Sergio que tinha recuado para o lugar de Martin, que se lesionou também. O tecnico Paulo Eira teve de fazer duas substituições forçadas o que condicionou toda a estrategia montada para esta partida.

 Não foi uma partida bem jogada, um Samora Correia aquém do habitual e o Alcanenense uma equipa bem organizada que aproveitando um adversário condicionado, bem tentou vencer o jogo. Na primeira parte, oprtunidades de golo poucas,uma para cada lado, na segunda parte, o jogo também foi repartido, os locais apesar das contrariedades bateram se muito bem e o nulo acaba por ser o resultado justo. Quanto á arbitragem, Carlos Maia, esteve em plano razoavel, teve alguns erros que não influenciaram o resultado.

 Paulo Eira treinador do Samora Correia, estava conformado com o resultado: De facto hoje a sorte não esteve connosco, com duas lesões de Martin e Paulo Sergio logo nos primeiros minutos de jogo, e não podendo contar com Fabio Alves, Bruno Daniel e Nuno Marques, toda a estrategia que tinhamos montado para este jogo, não pode ser utilizada. A equipa do Alcanenense bem organizada, dificultou ao maximo, apesar de tudo o nulo é o resultado justo.

 

 Sobre a saida de Bruno Pedro para o Benavente, Paulo Eira foi dizendo: Ao contrario do que foi dito em outros orgãoes de comunicação social, o Bruno não foi dispensado do Samora, o Bruno pediu para sair, não sabia quantos anos ainda iria jogar e gostava de ir para o Benavente. Nós não colocámos qualquer entrave e o Bruno Pedro foi para o Benavente.

PUBLICADO POR samoraemmovimento às 21:41

QUEM SOMOS

VER PERFIL

SEGUIR PERFIL

3 seguidores
PESQUISAR
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Dezembro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
12
13

19

26

30


ARQUIVOS
2019:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2018:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2017:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


tags

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO