29 de Outubro de 2014

     

PSBENAV.jpg

 

 

O PS aceitou o repto lançado pelo Senhor Presidente da Câmara Municipal de Benavente e apresentou propostas alternativas ao Orçamento para 2015. Mas a CDU rejeitou essas propostas. O PS continuará a trabalhar para defender os nossos municipes​
os funcionários e serviços camarários
​.
Relativamente ao aumento das verbas destinadas à formação dos funcionários, de 5.000 para 10.000 eur, com vista ao melhoramento dos serviços públicos, a maioria CDU sacode mais uma vez a água do capote e diz que essa responsabilidade é sobretudo da CIMLT. É de facto lamentável percebermos que a maioria CDU não dá a devida importância à formação dos seus funcionários e consequentemente à melhoria do serviço público prestado. Quando olhamos outras Câmaras vizinhas como por exemplo a CM Coruche, assistimos a outra realidade bem diferente, pois em 2014 o investimento em formação foi de cerca de 60.000 eur. Não deix​a de ser curioso que um partido que tanto defende os trabalhadores e os seus direitos a nivel nacional, quando tem o poder não faça aquilo que a Lei exige, ou seja, que cumpra o minimo de horas de formação para os seus funcionários. Mas esta é uma matéria que não deveria ser apenas de cumprimento da lei, mas um principio de gestão de qualquer organização, que a CMBenavente revela não ter e não ter vontade política de adotar. O PS lamenta profundamente esta falta de vontade política e este sacudir a água do capote que em nada dignifica a instituição e a sua gestão.
 
 
Depois constatamos que mais uma vez o Turismo é esquecido no Orçamento, não obstante ter sido uma bandeira eleitoral de todos os partidos políticos nas autárquicas de 2013. O PS exige que a CDU passe das palavras às ações.Os impostos diretos constituem a principal fonte de receita da autarquia, cerca de 7 milhões de eur estão previstos os municipes pagar em 2015. Mais uma vez achamos curioso que um partido que tanto critica o governo da asfixia fiscal, não consiga ser exemplo nesta matéria. 
Quando propomos baixar o IMI de 0,40 para 0,36 a CDU responde que é uma verba muito elevada, ​entre​ 300.000 a 400.000​ eur
​.
 ​
Quando propomos baixar de forma simbólica e modesta a taxa variável de IRS de 5% (Taxa máxima) para 0.48%, a CDU responde que é um valor pouco significativo (20.000 eur).
 
 
​Diz a CDU que​  a CMB não pode suportar esta proposta do PS​ o que não é verdade pois é possível neste Orçamento ​a​ redução  das receitas ser compensada com a diminuição de outras rúbricas ​ na despesa​
.
​Recordamos que o conjunto das rúbricas classificadas como Outras e Diversos correpondem a cerca de 1 milhão de euros. Se observarmos a despesa com gasóleo prevista são de cerca de 6
​42.000 eur. Em iluminação pública 705​ .000 eur. Se compararmos estas rúbricas por exemplo com as da CMCoruche, percebemos que estamos perante valores muito superiores e estimados em ALTA, o que reforça ainda mais a nossa convição de que é possível uma gestão mais rigorosa e detalhada em certas despesas, para assim permitir folga orçamental para diminuir os impostos diretos.​ Questionamos como é possível a CMBenavente prever gastar 642.000 eur em gasóleo, o dobro da CMCoruche ? Como é possível a CMBenavente prever gastar 705.000 eur em iluminação pública, quando a CMCoruche prevê 500.00 eur ? Neste último caso, isso deve-se a uma boa gestão e a um investimento na eficiência do sistema de iluminação pública, mais moderno e atual.
 
​Gabinete de comunicação​ 
PS BENAVENTE
PUBLICADO POR samoraemmovimento às 22:31

QUEM SOMOS

VER PERFIL

SEGUIR PERFIL

3 seguidores
PESQUISAR
 
Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Outubro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9


21

28


ARQUIVOS
2019:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2018:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2017:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2016:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2015:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2014:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2013:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2012:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


tags

todas as tags

blogs SAPO